98 | Revista Viva S/A | Agosto 2009

Click here to load reader

  • date post

    06-Mar-2016
  • Category

    Documents

  • view

    256
  • download

    5

Embed Size (px)

description

98 | Revista Viva S/A | Agosto 2009

Transcript of 98 | Revista Viva S/A | Agosto 2009

  • Agosto | 2009 1

    capas.indd 1 31/7/2009 16:52:17

  • Agosto | 20092

  • Agosto | 2009 3

  • Memorial de Incorporao Imobiliria registrado em 19/06/09 sob o R.14 da matrcula 8.140, do Ofi cial de Registro de Imveis da Comarca de Barueri.

    Al. Itapecuru, 244, AlphavilleInformaes 4195-4080

    Incorporao e Construo

    www.cnlimoveis.com.br

    CREC

    I 988

    3-J

    www.alphaprimepar.com.br

    Vendas

    JARDINS DE

    MONETMONET

    3 Dormitrios,1 Sute, 2 Vagas

    84 e 82m2, varanda com churrasqueira

    Perspectiva Fachada

    Perspectiva LivingPerspectiva Jardins Perspectiva Churrasqueira

    Venha apreciaro decorado

    Corretores no local

    Lanamentonico na regio

    /

    Incorporao e Construo

    www.cnlimoveis.com.br

    A CNL Construtora gostaria de agradecer a seus clientes e investidores a confi ana depositada mais uma vez em seus empreendimentos.

    Lanado em 25 de Junho, o empreendimento Jardins de Monet teve 90% (noventa por cento) das suas unidades comercializadas em 30 dias.

    Localizado Alameda Itapecuru, uma das alamedas residenciais mais charmosas da regio, a CNL idealizou um imvel que atendesse ao anseio

    das novas famlias que encontram em Alphaville um novo lar.

    Cientes da importncia do compromisso assumido com estes clientes, a CNL refora o seu empenho de sempre entregar com a melhor qualidade.

    Convidamos aqueles que no conhecem o Jardins de Monet a visitar o apartamento decorado que ser mantido at o trmino das vendas das

    unidades remanescentes.

    Renato IshikawaPresidente - CNL

    COMUNICADO AO MERCADO

    SUCESSO ABSOLUTO - 90%VENDIDOFoto Ilustrativa

  • Memorial de Incorporao Imobiliria registrado em 19/06/09 sob o R.14 da matrcula 8.140, do Ofi cial de Registro de Imveis da Comarca de Barueri.

    Al. Itapecuru, 244, AlphavilleInformaes 4195-4080

    Incorporao e Construo

    www.cnlimoveis.com.br

    CREC

    I 988

    3-J

    www.alphaprimepar.com.br

    Vendas

    JARDINS DE

    MONETMONET

    3 Dormitrios,1 Sute, 2 Vagas

    84 e 82m2, varanda com churrasqueira

    Perspectiva Fachada

    Perspectiva LivingPerspectiva Jardins Perspectiva Churrasqueira

    Venha apreciaro decorado

    Corretores no local

    Lanamentonico na regio

    /

    Incorporao e Construo

    www.cnlimoveis.com.br

    A CNL Construtora gostaria de agradecer a seus clientes e investidores a confi ana depositada mais uma vez em seus empreendimentos.

    Lanado em 25 de Junho, o empreendimento Jardins de Monet teve 90% (noventa por cento) das suas unidades comercializadas em 30 dias.

    Localizado Alameda Itapecuru, uma das alamedas residenciais mais charmosas da regio, a CNL idealizou um imvel que atendesse ao anseio

    das novas famlias que encontram em Alphaville um novo lar.

    Cientes da importncia do compromisso assumido com estes clientes, a CNL refora o seu empenho de sempre entregar com a melhor qualidade.

    Convidamos aqueles que no conhecem o Jardins de Monet a visitar o apartamento decorado que ser mantido at o trmino das vendas das

    unidades remanescentes.

    Renato IshikawaPresidente - CNL

    COMUNICADO AO MERCADO

    SUCESSO ABSOLUTO - 90%VENDIDOFoto Ilustrativa

  • Agosto | 20098

    Sumrio

    Matria de Capa

    42O gnio dos gibis

    TurismoOsis nas Maldivas est

    com os dias contados

    32

    VinhosDeise NovakoskiA rainha cabernetsauvignon

    30

    GastronomiaSilvio LancellottiNo Templo da Carne, o resga-te de Marcos GuardaBassi

    56

    GolfeDurval PedrosoA popularizaodo golfe

    58

    Cinema & DVDRubens Ewald FilhoEddie Murphy,o astro do ms

    65

    Moda & BelezaCristiana ArcangeliPrimavera-vero:o que vem por a

    61

    Qualidade de vidaRoberto ShinyashikiPai, ateno, voc pode ser demitido

    63

    Pais & FilhosIami Tiba10 dicas para Famliade Alta Performance

    67

    Corpo & EquilbrioNuno CobraCirurgia baritrica:soluo milagrosa?52

    342616

    41

    72

    MercadoImobilirio

    Motor

    Clipping

    Decorao

    68EstiloRoteiro

    Foto capa: Henrique Vilela

  • Agosto | 2009 9

  • Agosto | 200910

    A revista Viva uma publicao mensal da Projeto Editora. No nos responsabilizamos por opinies expressas nos artigos assinados. Proibida a reproduo total ou parcial sem autorizao.

    Os preos de produtos e servios divulgados nesta edio foram informados pelos fabricantes ou fornecedores e podem sofrer alteraes sem aviso prvio.

    DIRETORES EXECUTIVOS: Alfredo Cnsolo Junior - COMERCIAL - [email protected] | rosAnA ArAgon de oliveirA - ADMINISTRATIVO - [email protected] | EXECUTIVOS DE CONTA: AndrA AmArAl, mAriAne HAddAd e rAymundo ArAJo | ASSISTENTES COMERCIAIS: CAmilA fAriA e prisCilA fleming | ARTICULISTAS: CAu rigAmonti, CristiAnA ArCAngeli, deise novAkoski, durvAl pedroso, iAmi tibA, nuno CobrA, roberto sHinyAsHiki, rubens ewAld filHo e silvio lAnCellotti | DESIGNERS GRFICOS: giselle moreno Alves e mArCus viniCius dA silvA | EDITORA E JORNALISTA RESPONSVEL: renAtA vieirA - mtb. 36.366 | REVISORA: mAriA deosddite giArettA CHAves | MARKETING: CArlA dourAdo | ADMINISTRATIVO: fernAndA mAtos | FOTGRAFO: Henrique vilelA | PROJETO GRFICO: proJeto editorA | IMPRESSO: plurAl editorA e grfiCA | DISTRIBUIO: editorA premium

    InVADInDO OS qUADRInhOS... quem nunCA ACHou grAA dAs CoelHAdAs dA mniCA, torCeu por um

    bAnHo do CAsCo ou At sonHou fAZer pArte dA simptiCA turminHA CriAdA

    por mAuriCio de sousA? pois nestA edio invAdimos os gibis do desenHistA

    mAis fAmoso do brAsil e fiCAmos bem prXimos (ACredite!) dos personAgens

    que divertem CriAnAs, Hum..., e Adultos H 50 Anos.

    mAuriCio reCebeu A equipe dA revistA vivA em seu estdio nA semAnA

    em que CompletAvA meio sCulo de CArreirA e, num bAte-pApo AnimAdo, fAlou

    sobre seus filHos, que se tornArAm personAgens, sobre o suCesso de suAs

    CriAes e Contou o que pretende fAZer Com suA turmA dAqui pArA frente.

    veJA tAmbm, em turismo, nossA luXuosA sugesto pArA voC se Hos-

    pedAr em um pArAso que est Com os diAs ContAdos: As ilHAs mAldivAs. e em

    motor, ConHeA o lAnAmento dA montAdorA JAponesA HondA que promete

    revoluCionAr o merCAdo de JAtos.

    At o prXimo ms!

    A redAo

    Expediente

    Carta ao leitor

    (11) 2132-7000Calada das Palmas, 20 - 1 andar - Centro Comercial de Alphaville - Barueri - SPCEP: 06453-000 - [email protected] - www.vivasaopaulo.com.br anuncie[ [

    exemplares confirmada por

    Distribuio

    A Revista Viva agora est no Twitter. Siga-nos:

    www.twitter.com/revistavivasa

    TiragemAlphaville - Tambor condomnios e edifcios residenciais e comerciais e centros comerciais

    Mailing da Revista

    31.000 Aldeia da Serra condomnios e centros comerciaisGranja Viana e Cotia condomnios e centros comerciais

    Renata, Mauricio, Rosana e Vilela

  • Agosto | 2009 11

  • Agosto | 200912

  • Agosto | 2009 13

  • Agosto | 200914

  • Agosto | 2009 15

  • Agosto | 200916

    1. Carlos Alberto, da Tecnisa, Fausto e Eliana Moretti, da Sierra Mveis, e a apresentadora Jackeline Petkovic no lanamento do progra-ma Espao Interior, em Alphaville, em 29/07.

    2. Os times femininos das Selees Brasilei-ras de Vlei (foto) e Basquete durante trei-namento na academia Pel Club Alphaville.

    3. Em 23/07, Gilberto Freitas, Jos Augusto Carvalho e Nequinho Desanti inauguraram o escritrio de assessoria contbil e jurdica A Casinha, em Santana de Parnaba.

    Em 01/07, um coquetel marcou o lanamen-to das vendas do Alphaville Granja Viana na loja-conceito da marca no bairro. 4. Sandra Veras e Gabriela Procpio, da Alphaville Urbanismo.5. Carlos Paes Leme, da Alphaville Urbanismo, Vinicius Leite, da Fernandez Mera, Fabio Valle, da Alphaville Urbanismo, e Gonzalo Fernan-dez, da Fernandez Mera.

    6. O proprietrio da Mondo di...Vino, Ro-

    Apresentao de ballet[ [O Teatro Municipal de Barueri recebeu, em 27/06, o espetculo Divertssemnet 2009, da Academia de Ballet Vida e Arte. Sob direo artstica de Mariana Battazza, as alunas ence-naram trechos de repertrios clssicos, entre eles o Jardim Animado, do ballet O Corsrio.

    berto Luperi, realizou, em 13 e 14/07, o 3 Festival de Inverno, no Shopping Tambor. Na foto, com a sommelier Edna Nascimento.

    7. O prefeito de Santana de Parnaba, Silvinho Peccioli, e o Secretrio Municipal de Atividade Fsica, Esporte e Lazer, Darlan Chil Bastia-non, com um dos trofus conquistados na 53 edio dos Jogos Regionais, em So Roque.

    6

    7

    Revista VivaCLIPPING

    1 2

    3 4 5

    texto: renata vieira

  • Agosto | 2009 17

  • Agosto | 200918

    Julho no Espao Gourmet Blue Ville:1. Em 07/07, a chef Valria Chociai, do La Pasta Gialla, apresentou o Festival da Polen-ta, ao lado do sommelier lvaro Galvo. Na foto, com Luciane Fernandes, da Blue Ville.2. A banqueteira Lylian Regina ensinou del-cias da cozinha contempornea, em 14/07. 3. Em 23/07 foi a vez dos chefs Carlos Monteiro e Istenildo Argemiro, do Best Burger, prepararem hambrgueres.4. A doceira Janana, de So Paulo, ensinou dicas para o ch da tarde, em 28/07. Na foto com Selma Batistela e Elaine Beneduze.5. A gastronomia japonesa foi tema da aula de Xexu, do Shinkai Sushi, em 30/07.

    6. Em 03/07, o prefeito de Barueri, Rubens Furlan, recebeu o Secretrio de Desenvol-vimento de So Paulo, Geraldo Alckmin, para vistoria Fatec de Barueri.

    7. Os scios do restaurante mexicano Som-brero, Pedro Sabatine, Marco Penna e Mau-ro Martins Junior, inauguraram a nova casa com coquetel, em 01/07, em Alphaville.

    Padaria artesanal[ [A presidente do Fundo Social de Solidarie-dade de Barueri, Snia Furlan, e o Secre-trio de Gabinete e Governo, Luiz Roberto Corra, prestigiaram a formatura do curso desenvolvido pelo municpio, em 01/07.

    8. A arquiteta Sueli Adorni ofereceu festa para clientes e fornecedores, em 15/07, no Leopolldo Faria Lima, em So Paulo. Na foto, com o marido, Eurides Adorni.

    9. O morador de Alphaville Valmir Benavi-des, que se mantm na liderana da For-mula Truck, comemora o terceiro lugar na corrida do dia 19/07, em So Paulo.

    8

    9

    Revista VivaCLIPPING

    1 2 3 4

    765

  • Agosto | 2009 19

  • Agosto | 200922

    VILLA SOLAIA - ALPHAVILLE

    no Residencial Villa SolaiaPalestra Glria Kalil

    Chic a palavra certa para descrever o evento do Residencial Villa Solaia para realizao da primeira palestra de Glria Kalil em Alphaville.

    Reunindo um pblico sofisticado e informado que lotou o auditrio do residencial, o evento, que deveria ter 45 minutos, se alongou por mais uma hora, com perguntas sobre moda, estilo e comportamento. Antes, um elegante e requintado coquetel teve lugar no lounge especialmen-te montado e decorado para completar o sucesso da festa. Manobristas direcionavam os carros para dentro do empre-endimento possibilitando aos convidados conhecer o Villa Solaia, que j comea a ter diversas casas em construo. O livro Chiqurrimode Glria Kalil foi o brinde para os parti-cipantes. Comme il faut.

  • Agosto | 2009 23

  • Agosto | 200924

    palavra sustentabilidade vem sendo muito usada ultima-mente. Voc provavelmente j se deparou com ela num programa de TV, nas tarefas

    escolares dos filhos ou no supermercado. Algu-ma ideia - mesmo que vaga - de que sustentabili-dade esteja relacionada com a preservao do meio

    ambiente voc j assimilou. Mas, afinal, qual seu real significado?

    Segundo a Wikipdia, sustentabilidade um concei-to relacionado com a continui-dade dos aspectos econmicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade humana. De maneira simplificada, sustentabilidade a capacidade de satisfazer as ne-cessidades presentes sem com-prometer as das geraes futu-ras. A sociedade deve adaptar-se ideia da Triple Botton Line, ou seja, ser socialmente justa, eco-nomicamente vivel e ambien-talmente correta. Portanto, fa-lar em sustentabilidade falar em sobrevivncia, num sentido amplo, em todos os aspectos do desenvolvimento humano.

    O conceito de desenvol-vimento sustentvel foi definido em 1987 pela Comisso Mundial sobre Meio Ambiente e Desen-volvimento, criada pelas Naes Unidas. O relatrio da Comisso consolidou um posicionamen-

    to crtico ao modelo tradicional de desenvolvi-mento adotado pelos pases industrializados, considerando seus sistemas de produo e de consumo incompatveis com a vulnerabilidade dos ecossistemas.

    Desde ento, o mundo une esforos em

    torno da aplicao de medidas para manter o pla-neta e seus habitantes vivos. Para que as metas sejam cumpridas, necessria a participao de to-dos, ou seja, de empresas, cidados, rgaos pbli-cos e associaes que devem adotar, impreterivel-mente, um modelo sustentvel de pensar e agir.

    Os impactos do aquecimento global j po-dem ser sentidos; a escassez de gua ameaa real; os problemas com o lixo nos grandes centros urba-nos preocupam governantes e cidados comuns. hora de trazer a sustentabilidade para dentro de nossa vida, dentro de nossa casa e de nosso trabalho, como j mencionei em meu artigo anterior.

    esse o raciocnio que permeia os cha-mados condomnios sustentveis onde cada um dos pontos ligados construo, manuten-o e convivncia agregam-se em equilbrio para diminuir os impactos provocados no meio am-biente e para propiciar maior qualidade de vida a seus moradores. Os condomnios sustentveis aplicam programas capazes de garantir a cor-reta utilizao dos recursos naturais, economi-zam dinheiro para seus moradores e garantem ao planeta a possibilidade de recuperar-se.

    A SIGMA ADMINISTRADORA atua no mercado de administrao de condomnios comerciais e residenciais e disponibiliza asses-soria, atravs de vistorias peridicas documen-tadas em relatrios, que apontam providncias para evitar desperdcios, por meio de aes de reparos e de manuteno. Revitaliza, assim, o patrimnio, proporciona melhoria de qualidade de vida e torna qualquer condomnio ou resi-dencial um empreendimento sustentvel.

    hora de agir, altere seus costumes. A soluo est em nossas mos, principalmente nas daqueles que moram em comunidades, tais como condomnios e residenciais. E o futuro do nosso planeta e das novas geraes tambm.

    A

    Revista VivaCONSULTORIA & NEGCIOS

    Diretor da Sigma Administrao de Condomnios

    Mrcio Cerqueira Csar

    o futuro de nosso planeta e o das prximas

    geraes est em nossas mos

    SIGMA ADMInISTRAO DE COnDOMnIOSAl. rio negro, 1.084, Alphaville

    www.sigmaimoveis.com.br | tel.: (11) 4195-6052

    o mundo que todos queremSustentabilidade:

  • Agosto | 2009 25

    AF_Anuncio_Burle_Vero202x266mm 2.indd 1 8/3/09 7:17:55 PM

  • Agosto | 200926

    Honda nas

    AlturasHondaJet marca entrada da montadora japonesa no mercado dos very light jets

    A Honda est prestes a deixar seu rastro pelos ares. De-pois de marcar presena nas estradas do mundo inteiro, com motocicletas e automveis, e dar pinta pelos mares com jet skis, no prximo ano a montadora alar voos maiores. A subsidi-ria aeroespacial da marca, chamada Honda

    Aircraft Company, vai fabricar seu primeiro jato executivo: o HondaJet, que comeou a ser desenvolvido em 1997, teve a comercia-lizao confirmada em 2006 e, at o final do ano passado, j contabilizava mais de cem pe-didos, entre eles o do piloto titular da equipe Honda Racing da Frmula 1, Jenson Button, que encomendou duas unidades do avio.

    Objeto de desejo dos homens mais poderosos do mundo

    MOTOR texto: renata vieira | fotos: divulgao

  • Agosto | 2009 27

    O modelo, que vai brigar com a Embraer brasileira e a Bombardier canadense, tem uma s-ria de tecnologias que revolucionam o design dos jatos leves. A principal novidade a instalao das duas turbinas bem acima das asas, que proporcio-nam melhor aproveitamento do espao interno da cabine, que comporta at sete pessoas. Geralmente esse recurso evitado devido s zonas de interferncia aerodinmica, mas os en-genheiros da Honda chegaram a uma configurao satisfatria de instalao que, alm de impedir o pro-blema, possibilita melhor ndice de arrasto aerodin-mico a velocidades de cruzeiro ao redor de 750 km/h. Nos testes, o HondaJet tem voado a altitudes de 13 mil metros e a velocidade de at 760 km/h. O modelo tem ainda levssima estrutura de fuselagem, opera com teto operacional de 43 mil ps, possui autonomia para 3.540 km, baixo ndi-ce de rudos e baixo consumo de combustvel, 35% menor do que outros jatos similares. A montadora nipnica anunciou que, alm da grande procura de consumidores particulares, o HondaJet est renden-do tambm a negociao com frotistas. Pelo jeito, os rastros da Honda pelos ares no sero poucos.

    Alta tecnologia

    Quanto custa: US$ 3,6 milhes, nos Estados Unidos. www.hondajet.com

    pre

    o pe

    squi

    sado

    em

    julh

    o de

    200

    9

  • Agosto | 200928

  • Agosto | 2009 29

  • Agosto | 200930

    Revista VivaGASTRONOMIA

    onheo Marcos GuardaBas-si desde os comecinhos da dcada de 80, quando ele era apenas Marcos Bassi, sim-plificao afetuosa de seu

    sobrenome de famlia. Foi razoavelmente complicado o nosso primeiro contato. Ento, arredio mdia, desconfiava da imprensa em geral. Aos poucos, na conversa, porm, ga-nhou a segurana de que eu, apenas e to so-mente, pretendia entrevist-lo, sem segundas

    mesmo vigor e a mesma criatividade do menino que, na dcada de 60, vendia midos de gado - e que, na dcada de 70, inaugurou formidvel trajetria no desenvolvimento e na maturao de cortes especiais que s ele sabia lapidar das peas brutas, como a fraldinha, o bombom de alcatra e a costela do contrafil.

    Templo do paladarA partir de 2000, degrau a degrau, pau-

    latinamente, reformulou alguns imveis que possua na Rua Treze de Maio, at desembarcar no espao esplndido que rebatizou de Templo da Carne. Um ttulo apropriadssimo. Arejadr-rimo, repleto de verdes, inclusive com um jar-dim impactante que, ao dia, recebe o encanto da iluminao natural. Tal espao acolhe at 130 visitantes, e um atendimento de cinco es-trelas, sob seus olhares atentos e seu comando carismtico. No pavimento superior, para qua-renta privilegiados, implantou generoso salo de eventos - no qual, inesgotvel, tambm mi-nistra cursos sobre sua arte.

    Churrasco um estado-de-esprito, ele no cessa de afirmar. E mais: No existe carne de primeira e carne de segunda; exis-te, sim, boi de primeira, bem tratado e bem alimentado, e boi de segunda, mal cuidado. Cada um dos msculos do animal exerce uma funo anatmica e, por isso, tem um tipo de fibra, um tipo especfico de uso.

    De uma adega climatizada, o cliente pode selecionar entre 1.500 rtulos do mun-do inteiro, a preos superdignos. E mais: numa loja anexa, ficam disposio, alm de seus cortes nobres, equipamentos e utenslios com sua griffe de antologia. Resta, a quem pre-tende realizar um churrasco domstico, com-parecer com o estado-de-esprito - e se deliciar.

    num espao belssimo, cortes nobres e estado-

    de-esprito que de-vem predominar

    num churrasco

    o resgate de Marcos GuardaBassiNo Templo da Carne:

    C

    proposies. E o Marcos virou Marco, desan-dou a me chamar de Italiano, e nos torna-mos amigos, de fato, incondicionais.

    Peripcias profissionais nos afasta-ram. No mais nos cruzamos com a mesma frequncia. Eu, mais dedicado aos esportes, ao invs da gastronomia. O Marco enredado em dificuldades que, em 1999, o obrigaram a transferir sua sagrada marca Bassi a um grupo de investidores multinacionais. De todo modo, graas sua enorme determinao e a seu sublime talento, j como GuardaBassi, ele, depressa, se recuperou.

    O sculo 21 testemunhou, em etapas, o seu resgate. O caro Marco ainda preservava o Jornalista, chef de cozinha e escritor

    Silvio LancellottiTemplo da CarneR. Treze de Maio, 668, Bela Vista, So PauloTel.: (11) 3288-7045 | www.marcosguardabassi.com.br

    Foto

    s: D

    ivul

    ga

    o

  • 31

    FraldinhaOs principais fatores na qualidade da carne so a gentica e a criao do animal, os dois determinam a maciez e o sabor da carne. Uma das mais importantes descobertas do mestre Marcos GuardaBassi, a fraldinha foi criada em 1967. Antes de ser o segundo corte para churrasco mais vendido no Brasil a to famosa fraldinha j foi considerada contrapeso, ela a pele de proteo dos rins do animal , no confunda com fraldo que a parte da costela, diz Marcos.

    Por ser carne com baixo teor de gordura, precisamos ter ateno para que no fique ressecada, por isso o tempo exato de maturao e a temperatura do preparo sero indis-pensveis para que fique macia, mida e suculenta.

    PrePArAndO A FrAldinhA: 1) A pea dever pesar entre 750 g e 1 kg; 2) Utilize apenas sal grosso, dez minutos o tempo mximo para repousar o sal na carne, depois disso remova-o totalmente; 3) Asse distncia de 40 cm da brasa; 4) O momento de virar a pea quando o suco comea a aparecer no lado superior; 5) J o momento de servir. Todo processo dura cerca de 40 minutos.

    dicAs dO MesTre MArcOs GUArdABAssi: O corte fraldinha no apresenta gordura aparente; A carne deve estar na temperatura ambiente na hora do preparo, este processo deve ser feito com o produto ainda embalado; A pea compactada no espeto o grande segredo, se for feita aberta ou grelhada poder ressecar; Corte pelas laterais sempre na vertical, no sentido das fibras; Depois que cortar os pedaos leve novamente ao fogo para continuar assando; Dica mais importante: sirva as pontas para os convidados e fique com o miolo, a melhor parte!

  • Agosto | 200932

    Uva nobreA cabernet sauvignon considerada a

    variedade tinta mais nobre do mundo. Origi-nria da regio francesa de Bordeaux, marca registrada das bem irrigadas terras do Mdoc e Graves. Misturada a outras castas, como mer-lot e cabernet franc, que entram em propor-es menores, d origem aos famosos Chteau Lafite Rothschild e Chteau Margaux.

    Produz geralmente vinhos de sabor fru-tado inequvoco - com frequncia comparados a cassis ou a amoras pretas -, com aromas com-plexos, em que geralmente se sobressai o de pimento verde. Mantm atrao especial pelo envelhecimento, por sua enorme concentrao de taninos, pigmentos e compostos aromti-cos. Com o envelhecimento, seus aromas pri-mrios do lugar ao sutil buqu to desejado pelo consumidor de bons vinhos.

    Essa variedade foi introduzida no Bra-sil em 1921, mas somente a partir de 1980 que houve incremento de seu plantio na Serra Ga-cha. Por aqui sua caracterstica marcante a cor vermelha com reflexos violceos. No olfato, exala aroma vegetal ou herbceo. Destaca-se a nota de pimento, que tpica da espcie, de-vido s substncias volteis do grupo das pira-zinas e, com menor frequncia, da canela. Na boca, logo aps elaborado, o vinho apresenta-se um pouco adstringente, tornando-se suave depois de certo perodo de amadurecimento.

    Talvez por ser a uva tinta mais estu-dada pela Embrapa, ou por fazer jus fama de rainha das castas tintas, dificilmente se encontra um vinho brasileiro feito de ca-bernet sauvignon com grandes defeitos. Do mais simples ao mais elaborado, nenhum medocre. Portanto, entregue-se sem medo a uma garrafa de cabernet sauvignon, seja do Velho ou do Novo Mundo. S no caia na ten-tao de provar o vinho feito pelos chineses: eles ainda no dominaram a rainha.

    As caractersticas da variedade tinta mais adaptvel e nobre do mundo

    o mundo de Baco no ca-bem generalizaes. Mas se existe uva vermelha que se adaptou a praticamente to-dos os lugares a cabernet

    sauvignon. Seu aspecto mais extraordinrio tal-vez seja a aptido para viajar, assentar razes em terras distantes e continuar a produzir um vinho claramente cabernet sauvignon - ainda que feito de uvas cabernet sauvignon cultiva-das no Chile nunca seja vinho igual ao feito com as mesmas uvas da Frana.

    N

    Apresentadora do programa Menu Confiana, na GNT;

    Membro da Associao Brasileira e Internacional de Sommeliers

    Deise novakoski

    Revista VivaVINHOS

    cabernet sauvignonA rainha

    Isso acontece porque a fruta mui-to sensvel s condies do solo e do clima, podendo variar o sabor, a acidez, a doura, a colorao e a resistncia da casca, o tamanho, a quantidade de sementes e o formato dos ca-chos. Ou seja, o gosto da bebida influencia-do por um conjunto de fatores muitas vezes imprevisveis. Alguns deles so: o modo como as videiras so plantadas, cultivadas e trata-das; as condies de drenagem e de fertilidade do solo; a inclinao e a altitude do terreno; as tcnicas de vinificao usadas; e a forma como o vinho tratado depois de engarrafado.

    Claude Troisgros e Deise, no programa Menu Confiana, da GNT

    Foto

    s: D

    ivul

    ga

    o

  • Agosto | 2009 33

    AcideZ - essencial vida de todos os vinhos. num vinho de mesa seco e equilibrado deve estar entre 0,6% a 0,75% do volume.

    chTeAU - o termo, seguido de nome prprio, equivale em Bordeaux a uma propriedade desti-nada produo de vinhos.

    TAninO - substncia natural essencial estrutura dos tintos. derivado principalmente de cascas, sementes e engaos.

    ArOMA PriMriO - sensao olfativa que lembra uvas frescas e maduras.

    ArOMA secUndriO - sensao olfativa resul-tante da fermentao.

    ArOMA TerciriO - tambm chamado buqu, sensao olfativa depois que o vinho engarrafado.

    Glossrio do texto[ [

    [VivaIndica [Brunello di Montalcino Tenuta Nuova 2000 - ItliaPreparado com 100% de sangiovese, sua cor vermehlo rubi se destaca. Tem aromas de frutas concentrados, como cereja, ameixa e framboesa. Picante com altas notas de especiarias exticas com final de mentol. Na boca denso e harmonioso, em lcool e taninos moderados.Indicao: Massas com molho vermelho, carnes de caa e queijos mais fortes.Pontuao: edio especial, sem pontos pela Wine SpectatorPreo: R$180, a garrafa.

    Corvo Rosso 2002 - ItliaVermelho rubi vivo com nuances tendendo ao gren. Tem perfume complexo de frutas maduras, especiarias e tabaco. Sabor seco, aveludado, pleno com fortes nuances, agradvel, equilibrado, vivo. Textura personalssima.Indicao: Carnes grelhadas, assados, carnes de caa e queijos de meia cura.Pontuao: edio especial, sem pontos pela Wine SpectatorPreo: R$39,98, a garrafa.

    Terrazas Reserva Malbec - ArgentinaVermelho intenso, brilhante e com reflexos azuis. Tem aroma potente e muito complexo. Revelam-se notas de frutas vermelhas, como framboesa, groselha e ameixa. Seu envelhecimento em barris de carvalho traz aromas de baunilha e caramelo. Seus taninos, bem presentes, lhe do carter e vivacidade. Indicao: Acompanha carnes vermelhas preparadas no forno ou grelhadas, carnes com molho, carnes de caa ou churrasco. Servir entre 16 e 18 C.Pontuao: 89 | 100 - Wine SpectatorPreo: R$76,98, a garrafa.

    Clos Torribas Tinto Crianza 2003 - EspanhaEnvelhecido por um ano em carvalho e por mais um ano na garrafa, a partir de uvas da variedade Tempranillo. De paladar suave com tempo de maturao moderado. Destacam os sabores do envelhecimento em equilbrio com o corpo do vinho e com os aspectos de frutas. Indicao: Presunto cru, pata negra, paella, queijos de sabor mdio.Pontuao: 87 | 100 - Wine SpectatorPreo: R$29,98, a garrafa.

    textos: renata vieira | vinhos: robson Castor, sommelier do po de Acar

    Para gelar e servir O skybar Wine system armazena trs vinhos em com-partimentos individuais, cada um com regulagem de temperatura diferente. na hora de servir, s apertar o boto. Mesmo aberto, o vinho pode ser mantido com suas caractersticas preservadas por at dez dias. Us$999,95. www.surlatable.com

  • Agosto | 200934

    onsolidada como destaque em rea residencial da Gran-de So Paulo, a Granja Viana tornou-se, assim como Al-phaville e Tambor, h algum

    tempo uma das regies preferidas das grandes construtoras. Mas nada pode ser comparado chegada de uma das maiores grifes quando o assunto so lotes de alto padro.

    O Alphaville Granja Viana foi lanado

    Divisor de guasA instalao de um Alphaville na Gran-

    ja Viana coroa a regio com um empreendimen-to planejado, bem estruturado, e que agrega valor ao bairro, aponta o diretor da Associao das Empresas de Loteamento e Desenvolvimen-to Urbano (AELO), Caio Portugal. O empreen-dimento trar melhorias para a Granja Viana, afirma o diretor da Proinvest, Hlio Alterman.

    Para o diretor comercial da Alphaville Urbanismo, Fbio Valle, o divisor de guas est na juno entre a venda do conceito Alphaville e a poltica comercial da empresa - tudo reforado pela fora e valorizao imobiliria da Granja. J costume da empresa a comercializao diferenciada, que tem como caracterstica mar-cante envolver todas as imobilirias da regio, e verificar a maneira que o mercado reage, expli-ca Fbio Valle. Outro diferencial que comer-cializar Alphaville vender conceito cuja fora incontestvel no Brasil inteiro, avalia Fbio.

    Mais estrutura Um convnio com a Prefeitura de Ca-

    rapicuba garante a concluso de duas creches pela construtora. A empresa tambm doar rea para um parque em frente ao residencial, alm de melhorar o acesso rodovia Raposo Ta-vares, com a duplicao da avenida So Camilo. Como administradores, buscamos parceiros que invistam na cidade. A chegada da Alpha-ville cria um novo olhar sobre a cidade, diz o secretrio de Desenvolvimento Urbano de Ca-rapicuba, Alexandre Simes Pimentel.

    Para Fbio Valle, sua localizao um predicado parte. A Raposo Tavares vem rece-bendo melhorias e com a concluso do trecho Sul do Rodoanel ser mais fcil chegar ao ABC e ao litoral Sul. Essa posio valoriza o inves-timento dos compradores, junto ao histrico de contnua valorizao imobiliria da marca Alphaville em todas as regies do pas.

    Alphaville granja viana j

    considerado divisor de guas

    no setor imobili-rio da regio

    coroa o charme granjeiroConceito Alphaville

    C

    no dia 4 de julho. E para no deixar dvida de sua fora, as vendas foram abertas com fila de espera. Nas primeiras quatro horas de vendas, 80% do empreendimento estava ven-dido, tanto que a empresa fechou o final de semana com um VGV (valor geral de venda) em torno de R$80 milhes.

    Muito esperado, o empreendimento da Alphaville Urbanismo traz, alm da valoriza-o imobiliria, a coroao do conceito ver-de do bairro, uma vez que a empresa busca privilegiar o contato com a natureza - apenas um tero do empreendimento destinado a lotes. E como no poderia faltar, leva Granja uma das caractersticas marcantes do concei-to Alphaville - a segurana.

    Revista VivaMERCADO IMOBILIRIO

    JornalistaCau Rigamonti

    Foto

    : Div

    ulga

    o

    Perspectiva ilustrada do AlphaVille Granja Viana

  • Agosto | 2009 35

    Jardins de Monet:80% vendido no lanamentoA cnl incorporao e construo lanou em Al-phaville o Jardins de Monet, na alameda itapecuru, 244. so apartamentos com trs dormitrios, de 82 e 84 m.

    VivaRaio-x[ [

    Metr na GranjaO grupo Think Tank (for-mado por moradores da Granja Viana para discutir questes de transporte, especulao imobiliria, aumento populacional, meio ambiente e infraes-trutura) est propondo

    em Barueri, ainda no outro lado do Tiet, entrega em 2010 o Mediterrneo, no Jardim so luiz - as trs torres esto em fase de acabamento.

    Premiaesem julho, a Alphaville Ur-banismo, em parceria com a Gafisa, recebeu o Prmio Top imobilirio 2009, na categoria Performance em Vendas - Alto Padro, pelo desempenho registrado nas vendas do empreendimen-to Alphaville Barra da Tiju-ca. A Fundao Alphaville (brao de sustentabilidade da empresa) j havia ganho o Prmio Top social 2009, por sua atuao na regio de entorno ao empreendi-mento Alphaville cuiab.

    campanha de mobili-zao regional em prol da ampliao da linha amarela do metr, da estao Vila snia, que v em trilhos at o bairro granjeiro, pela raposo Tavares.

    ciclovia na AldeiaAtendendo a reivindicaes antigas de moradores de Aldeia da serra, o bairro ganhar ciclovia, dentro das obras de alargamento da estrada Yojiro Takaoka. se o giro comercial em Aldeia se limita quase que apenas aos moradores, as novas obras pelo menos valorizam o mercado imobilirio no que j existe de bom nos ares serranos do bairro.

    Novo shopping da Brookfield no Tambor[ [

    Depois de comprar as terras da Tambor S/A, a empresa deve lanar at o final deste ano, entre a rotatria e o empreendimento The Penthou-ses Tambor, novo shopping center acoplado a duas torres comerciais com 200 salas.

    Prximo rotatria do Colgio Castanheiras,na Av. Marcos Penteado de Ulha Rodrigues

    Trem em Alphaville?em recente reunio com o prefeito de Barueri rubens Furlan, a diretoria da cPTM (companhia Paulista de Trens Metropolitanos) afirmou que h estudos para que os trens da em-presa, depois de um pro-cesso de modernizao de todo o sistema, cheguem at Alphaville em moldes de metr de superfcie. A linha sairia da estao Antnio Joo, no bairro Al-deia de Barueri - que ser reconstruda pela Prefei-tura j a partir deste ano. no entanto, a ideia est apenas em estudo.

    Medic life em Alphaville: obras em ritmo aceleradoAs obras do centro primeiro mdico e Day Hospital de Al-phaville - o Medic Life, da CNA Spitaletti, em fase de fundaes no terreno, esto a todo vapor. Sero 31 mil m e 19 pavimen-tos com mdulos de 36 a 900 m, que incluem 256 consultri-os com especialidades ligadas a sade, laboratrios de anlises clnicas e imagem, e outros servios de diagnsticos.

  • Agosto | 200936

  • Agosto | 2009 37

  • Agosto | 200938

    ODONTOLOGIA

    deixando louco? S que no d para fazer implantes!

    Sua dentadura est lhe

    Se voc tentou fazer implantes e disseram que era necessria a cirur-gia de enxerto sseo, e avaliando todas as implicaes, voc acabou desistindo, saiba que hoje existem solues muito tranquilas, que dispensam os enxertos.

    Somos credenciados pela Nobel Biocare, uma empresa que tem 40 anos de histria, com mais de 2.000 funcionrios em todo o mundo, localizada em Zurique, Sua, com sedes administrativas em Zuri-que e em Gotemburgo, na Sucia. No es-colhemos essa empresa toa, mas sim, em funo de ser a que mais investe em pesqui-sa, tecnologia, inovao e performance. So mais de 1800 artigos cientficos publicados em todo o mundo, que comprovam a qua-lidade de seus produtos e procedimentos.

    A Nobel Biocare, desenvolveu um sistema chamado All on 4 que maxi-miza a utilizao do osso disponvel e per-mite funo imediata, utilizando o osso da regio anterior, presente na grande maioria das pessoas que usa prtese total, de for-ma que colocamos os 4 implantes nessa

    Especialista em Periodontia e PrteseDental, Esttica, Implantes e Cirurgia

    Alm disso, a Nobel desen-volveu uma tcnica muito mais revolu-cionria ainda, chamada All-on-4 com NobelGuide, que permite atravs de um software extremamente sofis-ticado fazer planejamento baseado em computador. Com ele feita uma frula cirrgica personalizada para perfurar e posicionar corretamente os implantes, de forma que a gengiva no precisa ser cortada. Ao final do pro-cedimento, no existem suturas, e os implantes j esto prontos para rece-ber a prtese. Tambm estamos capa-citados para realizar essa tcnica aqui em Alphaville.

    Teremos o maior prazer em lhe mostrar uma srie de casos clnicos. Agende uma consulta, aumente sua autoestima, volte a sorrir e a mastigar com segurana.

    DEFEnDI ODOnTOLOGIACal. das margaridas, 174, Centro Comercial Alphavillewww.odontologiaonline.com.br | tel.: (11) 4195-2135

    por: ricardo defendi

    Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plsticapor: roseli Cardinali

    CIRURGIA PLSTICA

    Para manter aparncia jovem e saudvel, podemos utilizar procedimen-tos cirrgicos tradicionais, assim como outros tratamentos estticos, como to-xina botulnica, preenchimentos faciais, laserterapia, e outros.

    A utilizao da toxina botulni-ca tornou-se muito popular nos ltimos anos. Atualmente utiliza-se esse recurso para suavizar as marcas de expresso. Ela tambm excelente no tratamento da sudorese excessiva, queixa que pode, re-sultar de um transtorno da vida pessoal.

    Os preenchimentos faciais tam-bm so recursos utilizados para rejuve-nescimento facial, amenizando os sulcos profundos, preenchendo lbios finos ou melhorando seu contorno. Bom senso e cri-trio so muito importantes neste momen-to para no se obter um aspecto artificial.

    O laser tambm outra forma utilizada para estimular o colgeno e me-lhorar o aspecto da pele.

    DRA. ROSELI CARDInALIAl. madeira, 258, cj. 903. tel: 4195-6956 | Cel: 7867-8143

    unidade einstein Alphaville - tel: 4208-8600 (2 feira das 20 s 22h) | www.roselicardinali.com.br

    regio, s que os 2 implantes posteriores so inclinados para trs, e ficam posicio-nados numa regio como se o paciente tivesse osso na regio posterior. Isso per-mite que uma prtese seja parafusada sobre os implantes (veja figura acima).

    tratamentos est-ticos no auxlio do rejuvenescimento

    Cirurgia plstica e

  • Agosto | 2009 39

  • Agosto | 200940

  • Agosto | 2009 41

    Fich

    a t

    cnic

    a[

    [Ana cristina Fazzio ArquiteturaAl. Mamor, 911, cj. 1.303, Alphaville. Tel.: (11) 4195-2096. www.anacristinafazzio.com.br

    Tempo de execuo da obra: 15 diasTamanho da rea: - banheiro: 2,5m

    Piso e tozeto Portobello - C&C. Tel.: (11) 4004-1444 Tinta acrlica palha - Suvinil. Tel.: 0800 117 558 Louas e metais Deca -Dcor Banho. Tel.: (11) 4193-4442 Cmoda - Antiqurio Bazza. Tel.: (11) 3088-5055 Espelho - Loja Ravioli Casa.Tel.: (11) 3081-1904

    contato

    servios

    tudo se transformaCom criatividade,

    ara a reforma da sala comer-cial, o pedido era remodelar e dar toque clssico. O ba-nheiro virou o bibel do projeto da arquiteta e de-

    signer de interiores Ana Cristina Fazzio. No podamos deixar que o ambiente entrasse em contraste com o restante, conta. Com origi-nalidade, a cmoda em madeira antiga com tampo de mrmore ganhou alguns ajustes

    para se adaptar como mvel de banheiro. Para no interferir no desenho, uma

    cuba de vidro transparente foi colocada. Em paralelo, Ana Cristina escolheu porcelanato de cor clara para o piso, que brinca geometrica-mente com tozetos de porcelanato verdes, em imitao ao mrmore da pia. As paredes ga-nharam tinta acrlica de cor palha e, para fina-lizar, um espelho clssico, em estilo Veneziano, deu amplitude ao pequeno espao.

    elegncia de mveis antigos

    exploradaem diferentes

    ambientes

    P

    ArquitetaAna Cristina Fazzio

    Revista VivaDECORAO texto: roberta vigan | fotos: Henrique vilela

  • Agosto | 200942

    Conversa vai, conversa vem... Mais de um bilho de revistas da Turma da Mnica publicadas, 12 longas-metragens, cerca de trs mil pro-dutos licenciados... Ops! Mas no a Mnica ali? Sim, a prpria, em carne e osso. O bate-papo que tivemos com o de-senhista Mauricio de Sousa, 73 anos, dois dias antes de ele completar meio sculo de carreira foi assim: conversa de gente grande com certa dose de fantasia. Conforme seus filhos, e tam-bm personagens famosos dos quadrinhos, en-travam em sua sala, a imaginao ia longe. Pas-saram por l o Do Contra, a Marina, o Dr. Spam. Dos dez filhos do desenhista, nove foram parar nos gibis. O nico a ficar de fora foi o caula, o Marcelinho. Ele no quis, disse que iria pagar o maior mico com os amigos, se diverte. Liderados pela dentua Mnica, a fama da turminha que surgiu dentro da casa do prprio desenhista correu o mundo e hoje o faz rir toa. Aps 50 anos da criao do pri-meiro personagem - o Bidu -, pouco depois de comear sua carreira como reprter policial do jornal a Folha da Manh, Mauricio domina 86% do mercado nacional de quadrinhos, conheci-

    Mauricio de Sousa, o pai da turminha mais famosa do Brasil, completa 50 anos de carreira frente de um imprio dos quadrinhos

    O Gnio dos

    GiBiSMATRIA DE CAPA texto: renata vieira | fotos: Henrique vilela

  • Agosto | 2009 43

    verdade que voc escolheu os nomes de seus filhos imaginan-do se seriam bons para seus personagens?Infelizmente . Quando estava treinando o personagem de minha filha mais velha, caiu a ficha de que Maringela, que virou a Maria Cebolinha, no era sonoro e forte como M-nica, Magali, Marina. Ento resolvi pensar um pouco mais para escolher os nomes de meus prximos filhos. Fazia uma lista com a me e s aprovava aqueles que fossem bons para meus personagens. Quase todos os meus filhos esto nos quadrinhos, menos o caula. Ele muito cer-tinho, nasceu com o chip do politicamente correto, sem que ningum pea, guarda as roupas e os brinquedos, apaga a luz e a TV... Estava faltando algum assim na Tur-ma, seria o Marcelinho Certinho. Mas ele no quis, disse que iria pagar o maior mico com os amigos.

    A Turma da Mnica conhecida em 126 pases, tem cerca de trs mil produtos licenciados e domina quase 90% do mer-cado de quadrinhos nacional. Voc vislumbrava esse futuro para sua Turma?Ningum vislumbra o sucesso, mas previ cada passo que da-ria. Mesmo antes de publicar minhas histrias, j estudava como vend-las, como fazer o marketing e como distribu-las. Quando era reprter, pedia para o chefe de redao os folders que chegavam, para entender como esse processo era feito l fora. Pensei em tudo o que poderia fazer, e, no meio do caminho tive a surpresa da Internet, mas o restante calculei. Acredito que o mais difcil no tenha sido conquis-tar o pblico, e sim, mant-lo.

    Voc ainda desenha?Desenho muito pouco. s vezes fao o Horcio, no con-segui pass-lo adiante, pois minha equipe ainda no pe-gou a maneira de fazer seus traos e o jeito de contar suas histrias. Mas sempre que um roteiro chega, arru-mo, ajeito, acabo desenhando indiretamente.

    Foi difcil delegar a criao de suas histrias?Quando precisei passar o desenho para outras pessoas, fi-quei com d de mim mesmo. Foi um desastre, um filho que estava passando para frente. Pensava: ser que vo ter o mesmo cuidado? Fatalmente um desenhista coloca algo particular no processo, ento pondero e vejo se vale a pena incorporar. J passei os desenhos para minha mulher, a Alice Takeda, diretora do estdio. Hoje meu trabalho principal avaliar os roteiros. Fao isso com minha filha, a Marina, de 24 anos. Em 90% das vezes temos a mesma opinio, e quan-do no concordamos, sigo a opinio dela. Se ela no gosta, o pessoal mais novo tambm no vai gostar. Estou passando o basto, vamos ver no que vai dar.

    do em 126 pases, bateu recorde com o lana-mento da Turma da Mnica Jovem, como uma das revistas em quadrinhos mais vendidas no sculo 21, vai lanar o Parque da Mnica na frica e na Europa e (Ufa!) est frente de um projeto educacional na China que abrange 180 milhes de crianas. Para festejar, o pai da Turma pre-parou uma srie de comemoraes, como o livro no qual 50 profissionais do trao do seu ponto de vista sobre os personagens, a exposio no Mube que retrata as cinco d-cadas de sua carreira e o CD com algumas das msicas que embalaram a garotada em desenhos animados, shows e campanhas. Nesse clima de festa, Mauricio nos deu a en-trevista que voc confere a seguir.

    Mauricio de Sousa como reprter policial do jornal Folha da Manh

    Foto

    : Div

    ulga

    o

  • Agosto | 200944

    A Mnica j virou embaixadora da Unicef, do Turismo e, recentemente, da Cultura. Por que a dentua foi a personagem que mais se destacou?A Mnica era uma personagem secundria, mas quando a criei, a campanha da emancipao femini-na estava a todo vapor. Ela surgiu bravona, sem levar desaforos para casa, dando coelhadas. Na poca, uma pesquisa constatou que as mulheres gostariam de ser a Mnica: independente, forte e corajosa. Isso est acontecendo agora na Indonsia, o maior pas muul-mano do mundo, onde acabei de renovar o contrato de sua revista. A crianada est abraando essa ideia de independncia que a personagem representa.

    A Turma da Mnica Jovem foi lanada h um ano e hoje vende mais que a infantil. Qual foi o estopim para a Turma crescer?Fiquei estudando essa possibilidade durante anos. At que um dia levei para meu filho, o Marcelinho, os meus gibis e os mangs do Naruto. Percebi que tal-vez ele quisesse ler o Naruto, mas ficou com receio de me ofender. fatal, a crianada, de 10 a 12 anos, est nessa fase do mang japons. Se eles gostam

    de mang, e gostam da Turma da Mnica, por que no juntar os dois? Era uma forma de no perder os leitores dessa faixa etria. A Turma Jovem atraiu tambm as crianas que se projetam nos persona-gens j crescidos, e os adultos que querem saber o que aconteceu com os personagens de sua infncia.

    Algum mais est na infncia com os dias contados?Eu quero ver se fao o Chico Bento crescer tambm. Mas no faria em mang, faria um desenho clssi-co bem bonitinho. Estou negociando com a editora para ver se eles querem mais um sucesso.

    Voc iniciou recentemente um projeto ambicioso de alfabetizao na China. Como surgiu o convite?Fomos procurados durante uma feira em Bolonha, na Itlia, e contratados pelo Governo da China para fazer um projeto educacional para 180 milhes de crianas, que recebem nosso contedo pela web. A Turma da Mnica foi escolhida, pois suas histrias no tm violncia, consumismo, armas, monetaris-mo, mas tm os valores ticos que os chineses que-rem passar para as crianas. Eles at acharam que os personagens eram chineses por causa dos olhos grandes, comuns nos desenhos orientais.

    H algum projeto similar no Brasil?Na prxima dcada, vou lutar com todas as minhas ar-mas pela educao. Meu maior objetivo brigar contra o analfabetismo. Por aqui, estou tentando emplacar um projeto educacional com filmes, como o extinto Vila S-samo, para a alfabetizao. Se no conseguir com o Governo, fao com a iniciativa privada.

    Algum de seus personagens parecido com voc?Dizem que me pareo com o Horcio, mas so os outros que di-zem... Ele at recebeu o apelido de Maurcio!

    Mnica e Mauricio de Sousa

  • Agosto | 2009 45

    MNICA MARIA CEBOLINHA MARINA NIMBUS DO CONTRA

    A filha mais famosa do artista representa uma menina forte, decidida, que no leva desaforo para casa, mas, ao mesmo tempo, tem momentos de feminilidade e poesia.

    Irm caula do Cebolinha, suas histrias so mais voltadas ao pblico mirim. Foi inspirada em Maringela, a filha mais velha de Mauricio.

    Retrata a filha do artista Marina que, tanto nos quadrinhos como na vida real, desenha com o pai.

    Suas caractersticas nasceram da real curiosidade que seu filho Mauro tem por tudo o que se relacione a tempo, condies meteorolgicas e clima.

    Baseado no filho char de Mauricio de Sousa. O nome vem da carac-terstica principal de Mauricinho: quando v algum fazendo alguma coisa, sempre quer experimentar fazer de outro modo.

    MAGALI DR. SPAM VANDA E VALRIA

    uma das criaes mais simpticas e conhecidas. A de verdade comia uma melancia inteira quando criana. Da o personagem seguir seus hbitos.

    Como o filho Mauricio Spada, professor de informtica, ajuda a turma e d aula na escola do bairro. bondoso, mas quando leva um choque, se transforma no terrvel Dr. Spam.

    Gmeas idnticas, baseadas nas filhas de Mauricio. Sempre jun-tas, s vezes divergem de opinio nos assun-tos mais corriqueiros.

    Certinho), mas no saiu do papel. Ele disse que iria pagar mico, se diverte Mauricio. Veja abaixo quais criaes so filhos (legtimos!) do desenhista.

    Dos dez filhos de Mauricio, nove foram parar em suas his-trias em quadrinhos. A exceo, o caula Marcelinho, 11 anos, chegou at a ganhar um personagem (Marcelinho, o

    A cara do paiO cartunista com Do Contra, Mnica, Dr. Spam e Marina

  • Agosto | 200946

    Maradona chegou a conversar ho-ras com Mauricio sobre a criao de seu personagem, assim como Pele-zinho. Nasceu o Dieguito e sua tur-ma. Mas quando o material estava pronto para ser lanado, o jogador foi para a Espanha, as coisas esfria-ram e Mauricio desistiu. Mauricio criou os personagens

    infantis Beatles 4 Kids. Nos Esta-dos Unidos, Connie Boucher, da Determined, que representava o licenciamento do quarteto brit-

    Quase daturma...

    nico, levou adiante com entusias-mo a concepo de Mauricio. Mas quando quase tudo estava acerta-do, recebeu a informao de que um dos quatro, Paul McCartney, George Harrison, Ringo Starr ou Yoko (que representa Jonh Lennon) havia desistido. Depois de visitar o circo Vos-tok, Mauricio resolveu criar uma famlia de personagens baseada em artistas e animais do pica-deiro. Nasceram Tatiana, Vostok,

    Por um motivo ou por outro, alguns persona-gens de Mauricio de Sousa no saram de sua prancheta. Saiba quem quase fez companhia para a Turma da Mnica.

    Natasha, Abelardo, Ananias, Es-meralda, Yuri, Biscoito, Volt e Poneizinho. Mas quando o circo foi embora, levou consigo a ins-pirao do artista.

    1 bilho de revistas publicadas

    86% do mercado de quadrinhos

    brasileiro

    + de 200 personagens

    1000 msicas criadas para a Turminha

    + de 3 mil produtos

    licenciados

    300 mil exemplares por ms da revista Turma da

    Mnica Jovem

    30 milhes de pginas acessa-das por ms no site Turma da Mnica

    6 milhes de crianas visitam o Parque da Mnica

    ao ano

    Personagens publicados em 126 pases

    Histrias publicadas em 50 idiomas

    Quantosnmelos!

  • Agosto | 2009 47

    AQUECEDORES MONDIAL.A SENSAO DO VERO, NO INVERNO.

    Voc encontra nas melhores lojas, magazines e sites de e-commerce.www.comprafacil.com.br www.submarino.com.br

    www.americanas.com.br www.pontofrio.com.br www.bestshoptv.com.brwww.casasbahia.com.br www.magazineluiza.com.br

    [email protected] - SAC 0800 55 03 93

    anuncios_rev_viva_aquecedores.indd 3 29/5/2009 17:11:44

  • Agosto | 200948

    nvestir em obras e me-lhorias para que os as-sociados tenham ainda maior satisfao ao fazer uso das instalaes um

    grande desafio para a atual Diretoria Exe-cutiva do Alphaville Tnis Clube.

    Fase do Fitness ser o investimento de maior ex-presso do ATC dos ltimos anos. Atender uma demanda adicional de mais de 400 associados para vrias atividades que hoje no tm dispo-nibilidade de vagas. Esta 2 Etapa ter rea cons-truda de 1.857,00 m2, com projeto arquitetnico que proporciona continuidade da 1 Etapa j em

    AtC ganha nova estrutura de fitness com

    oito novas salasI

    Revista VivaALPHAVILLE TNIS CLUBE

    Diretor de Patrimnio do ATCEduardo da Costa Galvo

    Temos duas reas distintas de atua-o: a de manuteno e a de obras.

    A rea de manuteno est sendo reestruturada para atender com maior efi-cincia o aumento de associados ocorrido nesses ltimos anos. Estamos dando nfa-se para a melhor qualidade na conservao das reas do clube, como a implantao do tratamento com oznio na gua da piscina coberta, a melhoria das instalaes das co-zinhas dos restaurantes, assim como aten-o especial limpeza geral do ATC, rea que sempre necessita de maiores cuidados. Estamos dando ateno especial tambm s reformas do parquinho infantil e da pista de Cooper, a qual ter traado alternativo de velocidade com instalao de equipa-mentos de ginstica.

    Na parte de obras, tivemos um primeiro semestre de muita preparao e estudos para a definio de obras que vo atender a maio-ria dos associados, sendo, sem dvida, que a 2

    uso. Sero oito novas salas com usos diversos como aulas de sapateado, ballet, ginstica, spin-ning, brinquedoteca, alm de amplas instalaes para os vestirios masculino e feminino, lancho-nete, departamento mdico, sala de fisioterapia, e rea administrativa de esportes (DGE). A previ-so para inaugurar essa obra o incio do segun-do semestre de 2010.

    Em continuidade ao plano de obras, aprovamos no Conselho de Administrao em junho deste ano, alm da 2 Fase do Fitness, a execuo de um tratamento acstico e a insta-lao de ar condicionado no Salo Nobre, o que proporcionar maior conforto aos usurios sem incomodar os vizinhos do Alphaville Tnis Clube, nos dias de festas e eventos. Foi aprova-da, tambm, a construo de sanitrios mas-culinos e femininos na rea da piscina externa, e a reforma dos vestirios da piscina coberta.

    Aguardem que durante o mandato da atual Diretoria Executiva do ATC, binio 2009/2010, teremos outras novidades.

    patrimonialDiretoria

  • Agosto | 2009 49

    [[cAlendriO sOciAl

    idA AO TeATrO: A cO-MdiA dOs errOs -22/08 (sBAdO) - sAdA dO ATc s 19h30 Baseada em romance homnimo de William shakespeare. com Bruno Garcia, Marcelo laham, claudia Missura, Monique Alfradique, e outros. diretor: carlo Milani. local: Teatro imprensa (Bela Vista/sP). incio da pea s 21h.

    durao: 110 minutos. classificao indicativa: 12 anos. evento aberto para associados e seus convidados. ingresso(com transporte incluso) - r$55,00 (valor nico).

    shOW de MGicA 23/08 (dOMinGO) -dAs 11h s 12hlocal: salo nobre.com o Mgico Marthin. haver pipoca e algodo doce para a crianada.Traga o seu filho!

    seXTA-esPeciAlBAile de MscArAs -diA 28/08 (seXTA-FeirA) - A PArTir dAs 22hlocal: Boulevard e Boite Muleka. dJ Andr e banda

    convidada. comemorao dos aniversariantes de julho e agosto (a partir de 28 anos completos), que ganham 06 convites vips e podem adquirir at 04 convites pela metade do preo (a r$10,00). demais associados pagam r$20,00 e seus convidados, r$ 30,00. retiradas de con-vites vips e reservas de mesa no depto. social at o dia 26 de agosto. Vendas no depto. social ou na Bilheteria (aberta somente no dia do evento).

    cAlendriOesPOrTiVO

    Xi cAMPeOnATO inTernO de FUTeBOl MAsTer - A PArTir de 10/08 s 20hdestinado aos associados nascidos at 1971. Os jogos ocorrero todas as segun-das e quartas-feiras. confira equipes e tabela de jogos em nosso site.

    V cAMPeOnATO de FUTsAl MAsTer - A PArTir de 18/08 s 19h

    exclusivo para associados nascidos at 30 de julho de 1974. Os jogos ocorrero to-das as teras e quintas-feiras. inscries com a comisso de Futsal (reinaldo e coruja) a partir das 18h30 at o dia 30 de julho. Participe!

    V cOPA PAUlisTA de FU-TeBOl de BAse - cATeGO-riAs sUB 13, sUB 15 e sUB 17 - A PArTir de 09/08As partidas voltam a ser disputadas a partir de 09 de agosto e o nosso prximo ad-versrio ser o corinthians. Acompanhe os jogos!

    PrXiMA eTAPA dO rAnKinG de Tnis -diAs 12, 13, 19 e 20/09em virtude da realizao do Torneio internacional de Tnis cidade de Barueri, a 3 etapa do ranking de Tnis ocorrer nos dias 12, 13, 19 e 20 de setembro. Mais infor-maes no depto. de esportes pelo telefone 2188-2669.

    serViOs

    * Queremos conhecer voc? At dia 30 de agosto atualize as fotos e os dados cadastrais de toda a famlia! no espao de Artes, aps a catraca de entrada, ao ser

    fotografado pelo nosso funcionrio e atualizar seu cadastro, concorra a *01 PAssAGeM AreA com acompanhante, para qualquer lu-gar do Brasil, e GAnhe r$ 50,00 eM crdiTO** no Programa de Vantagens da Azul linhas Areas Brasileiras. ** 10 sorteios sero realizados. ** Para obter o benefcio de r$ 50,00 em crdito no Programa de Vantagens da Azul, ser necessrio se cadastrar no programa Tudo Azul no site www.voeazul.com.br. Aps o cadastro no site, o associado receber um nmero que dever ser apresentado ao clube.

    *A partir de 3 de agosto a sauna e a Barbearia tero novos hor-rios de funcionamento mediante pesquisa realizada junto aos nossos associados:sauna Feminina: 3 e 5 - das 16h30 s 22h | 4 e 6 - das 9h s 15h30 | sb. - das 9h s 14h | dom. - das 15h s 18h30sauna Masculina: 3 e 5 - das 9h s 15h30 | 4 e 6 - das 16h30 s 22h | sb. - das 15h s 19h | dom. - das 9h s 14hBarbearia: 3 e 5 - das 8h s 20h | 4 e 6 - das 8h s 21h | sb. - das 9h s 19h | dom. e Feriado - das 9h s 17h

    *Os eventos esportivos e sociais do ATc so restritos a associados e a seus convidados. Ocasio-nalmente eventos abertos comunidade tambm sero divulgados neste informativo.

    Alphaville Tnis clube, Barueri.Fax: 2188-2713 / Fone: 2188-2700

    www.alphavilletenisclube.com.br

    ATc 33 AnOs - diA 25/09 (6 FeirA) A PArTir dAs 21hLocal: Conjunto Poliesportivo Estefano Carrieri. Servios do Buffet Giardini e show musical com a Big Band Re-veillon. At o dia 19/08: Associado - R$ 140,00 / Convi-dado - R$ 170,00 (Em 3x no boleto ou vista). At o dia 20/09: Associado - R$ 150,00 / Convidado - R$ 180,00 (Em 2x no boleto ou vista). A partir de 20/09, aceitare-mos somente pagamento vista. Faa a sua reserva! Retiradas de convites e reservas de mesa no Depto. Social.

    FesTA de AniVersriO

  • Agosto | 200950

    oito anos a Empresa Con-sistncia Contabilidade faz parte do quadro associati-vo da Acib, representada por seu scio-proprietrio

    Everaldo Antero de Melo, que Contador e tem Ps-Graduao em Auditoria e Contro-ladoria. Em 2006, Everaldo passou a inte-

    como Paranapanema e La Fonte. Acredito, e muito, no associativismo, e justamente por isso que fao questo de dar minha contri-buio para entidades e, em particular, para a Acib, pois vejo no s a grandeza de nossa Barueri, bem como o enorme papel que nos-sa associao pode e deve exercer. A Acib, na sua luta pela defesa da livre iniciativa, um desafio enorme a seus dirigentes e associa-dos, afirma Everaldo.

    Certificao DigitalEsto em fase adiantada os trabalhos

    para nova parceria da Acib. Trata-se de conv-nio com a empresa Certsign, homologada na prestao de servios de certificao digital. Com a implantao da Nota Fiscal Eletrnica, SPED Contbil e Fiscal, os empresrios pas-saro a utilizar a Certificao digital, em que a Acib entra como facilitadora promovendo parceria que atenda a seus associados.

    Acib MulherUma das preocupaes da Acib o seu

    brao feminino numa srie de atuaes que podem ser desenvolvidas e acompanhadas pelas esposas de seus dirigentes, por em-presrias e tambm por outras senhoras que podero dar sua contribuio nos casos em que haja necessidade de participao mais ativa da mulher.

    A Acib sempre participou de ativida-des encabeadas pela Prefeitura atravs de doao de computadores, apoio em palestras, doao de alimentos, valores, etc. A ltima participao da entidade, e a primeira com a marca Acib Mulher, foi a doao de dois for-nos de micro-ondas, como ajuda ao Hospital do Cncer Infantil - GRAAC.

    A Acib, na luta pela livre

    iniciativa, um desafio para seus

    dirigentes

    H

    Revista VivaACIB - Barueri

    Diretor AdministrativoEveraldo Antero de Melo

    grar o Conselho Fiscal da gesto 2006/2007. Na gesto 2008/2009 foi eleito Diretor Ad-ministrativo da entidade. Esta posio, na hierarquia da associao, tem como respon-sabilidade a gesto dos trabalhos adminis-trativos como secretaria, compras, recursos humanos, atendimento aos associados, bem como a manuteno da sede. Everaldo tem larga experincia no trato administrativo financeiro, no s pela atividade que exer-ce, prestando servios de contabilidade e consultoria para diversas empresas, como tambm, embasado em seu passado como controler de grandes grupos empresariais,

    Acib Mulher

    Administraoeficiente e moderna

  • Agosto | 2009 51

  • Agosto | 200952

    dias contadosnas Maldivas est com ososis

    Vista externa da Water Villa

    TURISMO texto: renata vieira | fotos: divulgao

    Os atrativos naturais das Ilhas Maldivas, com a fascinante combinao de mar

    cristalino e areia branca de doer os olhos,

    j bastariam para deixar qualquer um

    embasbacado, mas a rede hoteleira One

    & Only quer muito mais. No meio do

    Oceano ndico, entre as quase mil ilhas

    que compem o pas, est o seis estrelas

    Reethi Rah, planejado para ser um dos

    mais sofisticados resorts do mundo.

  • Agosto | 2009 53

    No primeirssimo lugar na

    lista da renomada publicao

    Cond Nast Traveller, como o melhor local do planeta para

    cuidar do corpo e da mente,

    o resort esbanja luxo e mor-

    domia em todos os detalhes.

    Depois de chegar a bordo

    de lanchas, os hspedes es-

    colhem entre uma das 130

    villas, como so chamadas as

    hospedagens, decoradas em

    estilo asitico. Todas tm p-

    direito alto, inesgotvel vista

    para o mar, terrao e rea m-

    nima de 135m. Das oito ca-

    tegorias existentes, a Water

    Villas simboliza o mximo

    do luxo, com piscina priva-

    tiva e vantagem de pare-

    cer flutuar sobre o oceano.

    Rah Bar

    Water Villa

  • Agosto | 200954

    O resort tambm aloja trs restaurantes, com culinrias japonesa, balinesa e internacional; bar, ade-ga com 18 mil garrafas, clube infantil, quadras, salo de beleza e diversos tratamentos personalizados nos dez spas distribudos ao longo da ilha ou sobre o mar. Para a diverso, passeios de iate, mergulho, caiaque ou windsurfing esto disposio de quem deseja aproveitar as guas do Oceano ndico. J quem opta pela piscina, eleita entre as 15 mais luxuosas do mundo pela publicao americana On the Beach, re-cebe um mimo: kits com garrafa de gua, iPod, toa-lha perfumada, borrifador facial e ventilador de mo. Deu vontade de aproveitar a mordomia? Ento, corra. Essa maravilha toda tem dias contados. Como o prprio presidente do arquiplago, Mohamed Nasheed, alertou recentemente (ele at anunciou a pro-cura por terras em outros pases), com o aquecimen-to global, bem provvel que em algumas dcadas o arquiplago seja totalmente subimerso e desaparea.

    Piscina eleita entre as 15 mais luxuosas do mundo

  • Agosto | 2009 55

    Paraso no marO cenrio naturalmente exuberante seria suficien-te para qualquer um sentir-se no paraso, mas para no restar dvidas, 60% da ilha onde fica o Reethi Rah teve mozinha do homem. Nada menos do que 15 mil coqueiros importados foram levados ilha e s Deus sabe quanta areia branca foi necessria para preencher as 12 praias particulares do resort e impri-mir ao local o indiscutvel rtulo de paradisaco.

    Quanto custa: US$860 a US$5.680, a diria.Site: www.oneandonlyresorts.com

    Grand Beach Villa

    Vista area do resort

    pre

    os p

    esqu

    isado

    s em

    julh

    o de

    200

    9

    Vista externa da Water Villa

  • Agosto | 200956

    Revista VivaGOLFE

    golfe teve seu primeiro grande impulso de popularizao nos Estados Unidos, na dcada de 50, quando o pas comeava a se recuperar da guerra. Com

    a classe mdia crescendo e com o aumento dos campos pblicos, o esporte espalhou-se por todo o territrio americano, perdendo a caracterstica de atividade de elite.

    Na dcada seguinte, o interesse pelo gol-fe impulsionou a indstria, com destaque para as fbricas de equipamentos, sejam tacos, bolas ou sapatos e carros.

    Outro salto se deu nas dcadas de 80 e 90. Nos primeiros anos o destaque foi a in-troduo acentuada dos resorts. Na poca, era praxe que quase todos os novos resorts tives-sem seus prprios campos de golfe para abri-gar turistas internos e externos. J nos anos 90, o mercado imobilirio americano introduziu de forma marcante os condomnios de casas com campos de golfe. Esse fato teve seu auge em 2003, quando 90% dos empreendimentos de condomnios horizontais aprovados manti-nham campos para a prtica do esporte.

    O boom mundialO golfe, impulsionado por Tiger Woods,

    tomou propores maiores, principalmente com o PGA Tour, que distribui prmios capazes de fa-zer com que os melhores jogadores ultrapassem os ganhos dos astros da NBA. E, por fim, um dos maiores promotores de esporte no mundo, sem dvida, foi o golfe senior, graas melhora de renda e longevidade que o esporte permite.

    No Brasil, o crescimento uma cons-tante nos ltimos anos e certamente ser ala-vancado com a construo de campos pblicos (temos somente dois). Embora a classe mdia tivesse aumento de renda considervel nesse perodo, cinco vezes o PIB argentino, no entanto teve cinco vezes menos jogadores. Visite os re-sorts brasileiros com campos. Voc encontrar um que atenda a seus anseios e aos de sua fam-lia, e at os no golfistas iro gostar.

    O

    1. Jogue sempre com seu handicap em mente. 2. No invente. 3. Jogue simples. 4. O meio do green seu melhor amigo, independentemen-te de onde esteja a bandeira. 5. No tente jogadas acima da sua capacidade atual, os flop shots so fceis para Phil Milckelson. 6. Nas bancas de areia, seu objetivo colocar a bola no green em uma tacada, no corra riscos desnecessrios. 7. Em volta do green, opte sempre pelo taco com o qual voc tenha maior domnio. 8. Lembre-se que uma ta-cada a menos sempre importante. 9. Evite jogadas arriscadas. Se os grandes profissio-nais procuram dar um alvio (lay-up) quando esto em risco, por que voc no faz o mes-mo? 10. Nos buracos curtos (pares 3), jogue sempre conservadoramente quando tiver obstculos de gua, mata ou bancas difceis. Fazer um bogey sempre bom negcio.

    Melhorandoseu handicap[ [

    Cada vez mais o esporte ganha

    adeptos ao redor do mundo

    do golfeA popularizao

    Empresrio e diretor da Federao Paulista de Golfe. [email protected]

    Durval Pedroso

  • Agosto | 200958

    Se Beber no Case(Comdia) Trs amigos (Bradley Co-

    oper, Ed Helms, Zach Galifianakis)

    vo para Las Vegas curtir uma festa

    de despedida de solteiro, e, em

    meio bebedeira, acabam perdendo

    o noivo (Justin Bartha). Estreia

    prevista para 21/08.

    Revista VivaCINEMA & DVD

    epois de brilhar em vrias comdias, como Um Tira da Pesada, que o consagrou, e com o inesquecvel O Profes-sor Aloprado, Eddie Murphy

    parece ter perdido um pouco a graa. No por conta de seu talento, mas pelo seu envolvi-mento em alguns episdios como o casamen-to cancelado com Tracey Edmond e o suposto envolvimento com um transsexual. A publi-

    cidade negativa o atingiu, e seus filmes co-mearam a fracassar. O Grande Dave e Minha Filha um Sonho, que estreia no Brasil neste ms, no foram bem recebidos.

    Mas nada abala seu prestgio e os elo-gios da crtica, como os que recebeu por Dream-girls. Para o pblico, Eddie Murphy , desde sua estreia em 1982, com 48 Horas, um incon-testvel e querido gnio da comdia. Mesmo que seja um ser humano cheio de defeitos.

    o ator foi coroado pela crtica e pelo pblico como o rei da comdia

    o astro do msEddie Murphy:

    D

    nos cinemas

    Milha Filha um Sonho(Comdia) Eddie Murphy faz um executivo de finanas incapaz

    de reverter o rumo decadente de sua carreira at ser convidado

    a penetrar no mundo imaginrio de sua filha, onde encontra a

    soluo para seus problemas. Estreia prevista para 21/08.

    G.I. Joe: A Origem de Cobra(Ao) Adaptao dos personagens

    Comandos em Ao. A elite militar G.I.

    Joe recebe a misso de derrotar uma

    organizao liderada por traficante de

    armas. Com Chaning Tatum e Siena

    Miller. Estreia prevista para 07/08.

    Tempo de Paz(Drama) Inspirado no texto Novas

    Diretrizes para Tempo de Paz, de

    Bosco Brasil, estrelado por Tony

    Ramos e Dan Stulbach. Imigrante

    polons barrado na alfndega

    brasileira por ex-torturador da polcia

    de Vargas. Estreia prevista para 14/08.

    O ator o nico indicado ao Oscar que foi embora no meio da festa depois de ter perdido. E, talvez, por isso, no ano seguinte, 2008, foi o campeo do festival que elege os piores do cinema, com o slogan Framboesa de Ouro.

    Jornalista, crtico de cinema e escritorRubens Ewald Filho

    Voc Sabia?[ [

    Foto

    s: D

    ivul

    ga

    o

  • Agosto | 200960

  • Agosto | 2009 61

    sensao de que o tempo est passando, os filhos esto cres-cendo, e se est margem des-se processo sofrimento para muitos pais. Mas ter pouco

    tempo no igual a no ter tempo algum. No final da semana, por exemplo, separe pelo menos trs horas para vocs sarem juntos. No s seu filho que precisa de voc. O tem-po que passam juntos serve para voc respi-rar e recarregar as baterias. A preocupao em deixar uma boa herana material transforma muitos pais em workaholics. A melhor herana para os filhos a certeza de que foram amados. Esse senti-mento no transmitido com presentes, mas com olhares cmplices, um ombro amigo ou palavras. Veja trs dicas essenciais para voc incrementar o relacionamento com seu filho:

    1. Entenda que cada filho um ser ni-co. Respeite suas caractersticas e necessida-des particulares. Se voc tem dois filhos, pro-cure sair com cada um deles em dias distintos. claro que alguns programas devem reunir a famlia inteira, mas importante existir um momento em que seu filho se sinta especial.

    2. Dedique tempo tambm para o filho que no tem problemas. A maior parte dos pais tem a tendncia de dar toda a ateno para o filho que est com dificuldades. O outro que est indo bem, cedo ou tarde, comear a criar problemas em troca de sua ateno.

    3. Mantenha presena marcante na vida de seus filhos. Mesmo que, l pelas 7 da noite, voc ainda esteja trabalhando, telefone per-guntando como foi o dia das crianas. Conte tambm sobre seu cotidiano. Seu filho deve ter curiosidade em saber o que voc faz.

    Uma palavra final: seus filhos tomam voc como modelo. constrangedor imagi-nar que pais que nunca abriram um livro ou no fizeram um curso exijam isso dos filhos. O mesmo ocorre com mes que acomodadas buzinam o dia inteiro exigindo que os filhos te-nham coragem de ousar. Para encerrar: seja o dolo de seus filhos. Mas isso voc s vai cons-truir no dia-a-dia, na maneira como conduz seus atos e sua vida. Adote seus filhos antes que eles saiam atrs de um beadhunter de pai.

    A

    O apelo sexual est presente na televiso, na internet e at em brinquedos. Diante dessa realidade, os riscos de as crianas desenvolverem com-portamentos sexuais precoces so eviden-tes. Este livro auxilia os pais a educar e a formar seus filhos de forma adequada.

    seus filhos esto vendo

    voc o tempo todo e o tomam

    como modelo

    voc pode ser demitidoPai, ateno,

    A infncia PerdidaAutores: Diane

    E. Levin e Jean

    Kilbourne

    Editora: Gente

    Preo: R$39,90

    Revista VivaQUALIDADE DE VIDA

    Psiquiatra, escritor e conferencistaRoberto Shinyashiki

    preos pesquisados em julho de 2009

  • Agosto | 200962

  • Agosto | 2009 63

    Revista VivaPAIS & FILHOS

    lta Performance um conceito de vida pelo qual se pensa e se faz o melhor em cada uma das aes para a sustentabilida-de do planeta. Para tanto

    preciso estar aberto a aprender e a atualizar conceitos atravs do bom uso do seletor de pensamentos.

    1. No errando que se aprende. Quan-do os pais exigem que o filho corrija o erro, ele aprende atravs da prtica.

    2. Filho no pode desviar verbas. Quan-do gasta o dinheiro do lanche para comprar figurinhas, no cumpriu a responsabilidade de poder portar dinheiro. Ele no pode gastar o que no seu.

    3. Filho tem que guardar brinquedos. Perde quem no cuida do que seu. Aps acabar de brincar, o filho tem que guardar o brinquedo e deixar a sala em ordem. ques-to de cidadania familiar.

    4. Filho tem que fazer o que consegue. Quem faz por ele, aleija-o em vez de educar. Ele se torna um folgado e sufoca os outros. Embai-xo de um folgado tem sempre um sufocado.

    5. Filho precisa construir seu valor eco-

    nmico. por empenho, disciplina e prtica que se poder gerar renda prpria.

    6. Os pais no erram de propsito, ao contrrio, tm certeza de que fazem o melhor. Se a educao lhes for prioridade, pequenas or-questraes podero transformar o amanh.

    7. O mundo meritocrata. Premiar filho que no merece estraga a famlia. Alm de no reconhecer o mrito de quem o merece, vicia o premiado a dar o mnimo e a querer o mximo.

    8. Pais perdem autoridade com presen-a fsica e contato visual. Uma birra no acaba enquanto a me estiver perto e/ou olhando para o filho. Ela deve ordenar e sair do local.

    9. Estudar obrigatrio. Aprender no tem frias. A humanidade evoluiu tanto que no h tempo para uma pessoa descobrir e atualizar tudo para ser de Alta Performance.

    10. A prtica cotidiana da Alta Perfomance evita problemas. Uso de drogas, gravidez preco-ce, repetncia escolar, violncia, preconceitos e alienao so males resultantes da falta de edu-cao e do no preparo do jovem para a vida.

    A

    Num mundo com tantas modificaes e crises, precisamos renovar, reinventar, procurar sadas globais para atingir essa nova fase de evoluo da humanidade. Este livro mostra alguns caminhos de como ser pessoa melhor atravs da Alta Performance.

    Os pais devem preparar seus

    filhos para cuidar de nosso planeta

    Famlia de Alta Performance10 dicas para a

    Famlia de Alta

    Performance

    Autor: Iami Tiba

    Editora: Integrare

    Preo: R$29,90

    Psiquiatra, escritor e conferencistaIami Tiba preos pesquisados em julho de 2009

  • Agosto | 2009 65

    Revista VivaMODA & BELEZA

    s semanas fashion nacionais, Fashion Rio e So Paulo Fashion Week, deixaram no ar breve resumo do que se pode esperar para a moda primavera-vero 2010. Prepare-se para o conforto definitivo.

    Folga FashionA moda traz shape mais amplo, no a ponto de se dizer que est tudo muito largo, mas tambm distante de roupas co-lantes e abafadas. A ordem ventilar at na alfaiataria. Ma-caces, camisas mais amplas, batas assimtricas, algumas bermudas e tudo o mais fresco possvel, mas sem abrir mo da feminilidade. As transparncias comprovam essa tese. Nas estampas, florais digitais, mix de xadrez com grafismo em co-res, como cinza, branco, preto, terrosos, verdes e muitos tons de flor (combinados com os tons pastel, claro).

    O hit colorirSe at aqui o assunto estava morno, a coisa se anima. A maquiagem de vero extrema-mente colorida. Batons pink e laranja dividem o espao do ncessaire com o tradicional gloss. J as sombras podem ser roxas, azuis, amarelas, rosas e at verdes. Na pele, ps bronzeadores, de preferncia com maquiagem mineral, que do um ar mais natural pele. Para a noite, olhos pretos misturados com tons bem chamativos. O blush no muda. Use sempre aquele que valoriza mais sua tonalidade de pele.

    Madeixas naturaisOs fios presos so a melhor pedida para cabelos longos. Quem gosta dos curtos pode adotar o look na altura dos om-bros. Mais uma vez, a proposta manter a textura natural, com cachos e ondas. Conforto uma da inspiraes.

    fique por dentro das ten-dncias paras as

    estaes mais quentes do ano

    A

    Primavera-vero:o que vem por a

    Empresria,consultora de beleza e escritora

    Cristiana Arcangeli

    foto

    s: Ag

    nci

    a n

    ews

    Inovao na areiaA moda-praia 2010 um pouco diferente do que a gente sempre viu. Pelo menos do que j foi proposto nas passarelas de Fashion Rio e So Paulo Fashion Week. Os desfiles mostraram quase roupas de praia pois o corpo veio excessivamente coberto. No corte, tomara-que-caia, cal-cinhas com cintura larga, drapeados em estampas de flores e bichos - tudo pronto para uma festa na praia ou na piscina.

  • Agosto | 2009 67

    Revista VivaCORPO & EQUILBRIO

    operao para reduzir o es-tmago, tambm chamada cirurgia baritrica, inter-veno radical indicada ape-nas em casos extremos de

    obesidade. No entanto, o procedimento vem se tornando cada vez mais comum, tanto que sua indicao recomendada frequentemen-te de forma banalizada e corriqueira.

    obvio que na cabea de uma pessoa obesa essa interveno surge como soluo milagrosa, em que o indivduo entra gordo e, pouco tempo depois, fica magro sem muito es-foro. Porm, bom lembrar que a cirurgia ba-ritrica procedimento de alta complexidade, que envolve UTI, internao hospitalar prolon-gada e implica risco de morte.

    Esse milagre e sonho de magreza idea-lizado antes da cirurgia pode tornar-se pesadelo. No que a cirurgia no cumpra na maioria das vezes os objetivos propostos, favorecendo perda de peso acentuada e regularizando fatores de risco como diabetes, hipertenso e problemas cardacos. Mas a questo est nos sacrifcios exigidos, j que a disciplina em relao dieta torna-se extrema, e a necessidade de mudana comportamental bastante brusca e radical.

    Existem tambm vrios riscos no ps-operatrio, como depresso, abuso de drogas e transtornos alimentares, como anorexia ner-vosa e bulimia. E no possvel prever todos os casos em que possam ocorrer transtornos alimentares ou psiquitricos, mesmo sendo feita extensa anlise durante o pr-operatrio.

    Ao procedimento

    para a perda de peso est cada vez

    mais banalizado

    soluo milagrosa?Cirurgia baritrica:

    O padro alimentar desordenado tende a persistir aps a operao baritrica, o que pode piorar as condies clnicas do paciente e facilitar o retorno do ganho de peso. Muitos pacientes trocam o hbito de comer muito em pouco tempo por comer pouco durante muito tempo, ou optam por alimentos de fcil absoro, porm extremamente calricos, e deva-gar retornam aos padres anteriores.Fica claro que os hbitos alimentares e a relao que se tem com o alimento no mudam com o procedimento cirrgi-

    co. Por ser recurso extremo, a cirurgia baritrica traz riscos, como deficincia de vitaminas e minerais, desnutrio protica, anemias, queda de cabelo, diar-ria, vmitos, flatulncia e perda ssea. O aumento de fraturas sseas aps a cirurgia ocorre devido deficincia grave de vitamina D e de clcio nos pacien-tes. No se trata de condenar esse recurso mdico, mas importante pensar sobre suas implicaes, para optar por esse meio de forma consciente.

    novos hbitos alimentares

    Preparador fsico-mental e conferencista

    nuno Cobra

  • Agosto | 200968

    Compra segura A forma mais prtica e segura de comprar onli-ne. Com esse pequeno leitor de carto de crdi-to, instalado por cabo USB, voc no precisa colocar os dados de seu carto na internet, mesmo em sites ditos seguros. Basta passar a tarja magntica no aparelho e sua compra est efetuada, como feito em lojas reais. Com tecnologia NetSecure, est disponvel nos EUA e Canad, mas j com plano de expanso inter-nacional. US$99,95. www.smartswipe.ca.

    TV de ltima geraoEcologicamente corretas (sem mercrio), as TVs LED Samsung Sries 7000, de 40 e 55 polegadas, tm trs centmetros de espessu-ra, imagens em Full HD, 4 entradas HDMI e soluo multimdia. A funo DLNA Wireless conecta a TV ao computador e internet; uma biblioteca oferece jogos, culinria e pro-gramas de ginstica. Parceria indita com o portal Terra permite contedo online gratui-to. R$7.499. www.samsung.com.br.

    Menor do que uma chave Em breve no Brasil e disponvel em preto e prata, o novo iPod Shuffle tem estrutura em alumnio e clipe em ao inoxidvel para prend-lo seguramente. Os controles foram transferidos para o fio do fone de ouvido, diminuindo seu tamanho. Com 4GB, outra novidade a funo VoiceOver, capaz de falar em 14 lnguas o nome de msicas e de artistas, com correta pronncia e ainda avisar quando a bateria precisa ser carregada. US$79. www.apple.com/br.

    Leitura mais amigvel A Amazon lana o aparelho de leitura digital DX. Maior, com tela de 9,7 polegadas, capacidade para armazenar 3.500 e-books, roteador automtico retrato/pai-sagem, suporte nativo a docu-mentos PDF e botes apenas no lado direito, o modelo mantm a conectividade Wi-Fi, com fina espessura (0,97cm) e com leitu-ra em udio dos textos. US$489. www.amazon.com.

    de pontatecnologia

    Revista VivaESTILO texto: roberta vigan | fotos: divulgao

  • Agosto | 2009 69

    Amigo poliglota Muito mais do que simples calculadora, esse aparelho leve e porttil capaz de traduzir 12 idiomas (chins, holands, ingls, francs, alemo, italiano, japons, coreano, polons, portugus, russo e espanhol), com vocabul-rio de 400 mil palavras e memria de 12 mil frases. Traz ainda cinco jogos e conversores de moedas, medidas e horrio mundial. Um bom amigo para sua prxima viagem. R$560.

    www.franklin.com.

    Bab mais que perfeita Voc pode no saber ao certo por que seu beb est chorando. Mas o Why Cry Baby Analyzer, da ThinkGeek pode tentar traduzir. Alm de avisar que ele acordou, a tecnologia avanada de anlise de frequncia informa se a reclama-o por fome, dor, frio, calor, estresse, sono ou tdio. Tambm marca temperatura ambiente e umidade relativa do ar. US$99,99. www.thinkgeek.com.

    S de superA aparncia pode ser a mesma do modelo anterior, mas o IPho-ne 3G S ganhou nova opo de cor (branca), tecnologia e velo-cidade no acesso e envio de mensagens. Grava vdeos, tem c-mera de 3 megapixels, com foco e ajuste de branco automtico, GPS e Voice Control, que faz ligao e reproduz msicas pelo comando de sua voz - em portugus. Preo: US$199 (16GB) e US$299 (32GB). www.apple.com/br.

    Quase um notebook O desktop Sony Vaio VGC-JS170AE traz seu HD escondido atrs do monitor. Tem processador Intel Core 2 Duo E7200, 4Gb de memria RAM e disco rgido de 320Gb, que funciona a 7200 rpm. O LCD de 20,1 polegadas oferece a tecnologia XBRITE HiColor ideal para filmes de alta resoluo. Vem com teclado, mouse (com fios), microfone e cmera inclusos; e ainda Adobe Photoshop. R$4.999. www.sonystyle.com.br.

    pre

    os p

    esqu

    isado

    s em

    jul

    ho d

    e 20

    09

  • Agosto | 200970

  • Agosto | 2009 71

  • Agosto | 200972

    pre

    os p

    esqu

    isado

    s em

    jul

    ho d

    e 20

    09

    Msica no gastropub

    Para o segundo semestre, o The Black Horse traz

    nova programao musical, com bandas ao

    vivo em grande estilo. Toda quinta, classic

    rock e blues so alternados nas criaes

    de Mr. Burns, Delux (banda de Fernando

    Deluqui, guitarrista do RPM) e Tritono

    Blues. Esta ltima rene trs grandes m-

    sicos paulistanos: Bruno Santanna, cantor

    e criativo percursionista, Andr Youssef, pia-

    nista - tambm integrante da banda do Nasi

    -, e o gaitista Andr Carlini. Av. Copacaba-

    na, 148, 18 do Forte Empresarial, Alphaville.

    Tel.: (11) 4208-5038. Couvert artstico: R$12.

    Passeio pela histriaPelo Circuito Turstico Paulista Taypa de

    Pilo possvel visitar os bens tombados

    pelo Instituto do Patrimnio Histrico e Ar-

    tstico Nacional, nas cidades de Barueri, Ca-

    rapicuba, Cotia, Embu das Artes, So Roque

    e Santana do Parnaba. So cinco opes de

    passeios guiados, organizados pela Graffit

    Viagens, com sadas mensais, s 8h, do Lar-

    go do Arouche, em So Paulo. Preo: R$95

    (transporte, almoo, ingressos e seguro-

    viagem). Informaes: (11) 5549-9569.

    Bruno Santanna, Andr Youssef e Andr Carlini

  • Agosto | 2009 73

    texto: roberta vigan | fotos: Henrique vilela e divulgao

    Vestidos de FestaH um ms, a Incy abriu suas portas. Especializada

    em roupas e acessrios para casamentos, debutantes,

    formaturas e noivados, a rede conta com outras trs

    unidades em So Paulo e faz atendimento personali-

    zado s clientes. Modelos em vrios tamanhos, cores

    e estilos. Shopping Tambor: Av. Piracema, 669, lj. 30,

    Tambor. Tel.: (11) 2166-9927.

    Canto e coral no ATCO Maestro Ricardo Barbosa (do grupo Voz Ativa Ma-

    drigal, em Osasco) e a preparadora vocal Regiane Mar-

    tinez (solista da Osesp) selecionam homens e mulhe-

    res para o madrigal do ATC. Os ensaios so feitos s

    teras-feiras, das 20h s 22h, com uma hora dedicada

    tcnica vocal e outra ao canto coral. Preo: R$90.

    Informaes: (11) 4191-3490, com Keika.

    Nova opo gastronmicaO restaurante Hotello Gastronomia abre suas portas

    neste ms. O local abre de segunda a domingo, com

    buf self-service e sushi a la carte no almoo. noite,

    alm da culinria japonesa, opes de pizzas e servio

    de entrega para a regio. Rua Yogiro Takaoka, 4700,

    em Alphaville. Tel.: (11) 4153-1158.

    Trs anos de Studio 8O salo comemora trs anos de excelncia em servio

    de cabeleireiro e esttica. Reconhecido por estar sempre

    frente, oferece, por exemplo, o alisamento feito com

    escova hidronutritiva color, aplicada

    em cabelos coloridos e naturais,

    sem utilizao de formol e gluta-

    rol, proibidos no pas. A frmula

    suave deixa os fios lisos, domados,

    sedosos e mais brilhantes, afirma

    o cabeleireiro Jair. Al.

    Araguaia, 861, Alphaville.

    Tel.: (11) 4208-2121.

  • Agosto | 200974

    Comer bem, de forma balanceada, e em ambiente agradvel a proposta do res-

    taurante Suez, inspirado na culinria do Mediterrneo. O cardpio rico e variado,

    com iguarias vindas de Portugal, Itlia, Frana, Turquia e Espanha: entradas, sala-

    das, carnes, frutos do mar, risotos e massas, nada congelado. Menu executivo (de

    R$18,50 a R$25), com grelhado/massa e dois acompanhamentos, servido durante

    o almoo. Estr. do Capuava, 4227, Granja Viana. Tel.: (11) 4616-0241.

    Novidade na Granja

    Gastronomia & CIA

    em Alphaville

    O restaurante Villa Olvia oferece comi-

    da caseira de qualidade em self-service

    (R$29,90). De segunda a sexta, so 60

    tipos de saladas, sushis, 30 opes de

    pratos quentes e grelhados de carnes

    nobres. Aos sbados, a vez da feijoada,

    dividida entre light (com carnes separa-

    das) e tradicional (completa), preencher o

    buf. Estacionamento gratuito, com ma-

    nobrista. Al. Araguaia, 2081, Alphaville.

    Tel.: (11) 4195-5770.

    Almoo variado

  • Agosto | 2009 75

    pre

    os p

    esqu

    isado

    s em

    jul

    ho d

    e 20

    09

    Organic DeliveryPor telefone ou pelo site possvel

    fazer sua feira de produtos orgni-

    cos com segurana e conforto, sem

    sair de casa. Opes em frutas, hor-

    talias, ovos, doces, cafs, azeites,

    laticnios e mercearia com preos

    competitivos. Toda semana, a casa

    reserva sugestes de cestas para

    solteiro (R$24), casal (R$35) e fam-

    lia (R$52). Entrega em Alphaville e

    Granja Viana. Tel.: (11) 4254-1597.

    Double drinkCom nome (osis) sugestivo e

    promoo em dobro, o Outba-

    ck Steakhouse chama clientes

    sedentos por happy hour: de

    segunda a sexta, das 18h s

    20h, cada compra de chopp

    Brahma (R$6,50) ou drinks com

    lcool, como caipirinha (a par-

    tir de R$10,50), d direito a nova

    dose. Ideal para acompanhar a

    apimentada Blooming Onion

    (R$22,50). Al. Amazonas, 286,

    Alphaville. Tel.: (11) 4133-1950.

    Salgado e doce deliveryRepresentante da empresa Tudo Doce,

    o casal Regina e Eduardo faz entregas,

    em Alphaville e regio, de salgadi-

    nhos congelados, quindins, tortas de

    limo e holandesa (em estoque) e de

    vrios outros tipos de quitutes sob

    encomenda (um dia de antecedncia).

    Entre as opes congeladas (pacote

    25 unid.): coxinhas (R$13), esfihas

    (R$16), mini hot-dog (R$18) e mini

    cheeseburguer (R$24/20unid). Tel.: (11)

    4153-6053 e 9945-3039.

  • Agosto | 200976

    Famoso pelo suculento rodzio de cos-

    telas diferenciadas (a partir de R$25),

    acompanhado por saladas da prpria

    horta e pela polenta sporca, com molho

    de calabresa caseira e queijo colonial, o Ra-

    cho do Vinho reserva outra delcia tpica: o

    sagu de vinho tinto com creme branco,

    preparado com leite, leite condensado e

    creme de leite (R$7,50). Rod. Rgis Bit-

    tencourt, km 293,5, Itapecerica da Serra.

    Tel.: (11) 4147-1557.

    Sobremesa gacha

    No Sombrero, o clima e a culinria so tradicionais, com burritos de carne e fran-

    go, tacos de carne, taquitos crocantes com guacamole e pico de gallo, alm das

    margaritas de limo e morango, tambm em frozen. Destaque para as Quesadillas

    Sombrero de carne, frango e legumes (R$24) e as Farritas (a partir de R$40), acom-

    panhadas por molhos e tortilhas de trigo, em um minibuf. Em breve, opo de

    delivery. Cal. Flor de Ltus, 55, Centro Comercial, Alphaville. Tel.: (11) 4195-1515.

    Viva o Mxico

    Gastronomia & CIA

  • Agosto | 2009 77

    Kafe ButikRecm-inaugurado pela designer gr-

    fica Rita Pontes, o espao mistura

    moda e gastronomia. No local, pode-

    se provar a qualidade do caf expres-

    so Orfeu, servido com biscoitinho e

    gua com gs (R$3,50), bem como

    conferir roupas, sapatos e acessrios

    femininos artesanais. Cal. Flor de

    Ltus, 59, Centro Comercial, Alpha-

    ville. Tel.: (11) 4195-0631.

    pre

    os p

    esqu

    isado

    s em

    jul

    ho d

    e 20

    09

    Doce CompanhiaCom massa crocante, finas fatias de

    ma, uvas passas e noze